quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Tabela Dinâmica – Dicas de Produtividade


Olá pessoal,

Em algumas oportunidades tenho escrito aqui no blog que sou fã incondicional da utilização de Tabelas Dinâmicas – e quem usa regularmente este recurso sabe que isso não é nenhum exagero.

Pois bem, neste post vou procurar listar ótimos recursos oferecidos pela ferramenta, que podem aumentar significativamente a produtividade dos usuários na consolidação, organização, extração e análise de informações – e, porque não, tornar mais agradável a visualização final dos dados.

Antes de começar
Alguns pontos importantes:

Versão do Excel: para escrever este post estou usando a versão 2013 do Microsoft Excel. Entretanto, todas as funcionalidades exploradas também podem ser reproduzidas nas versões 2010 e 2007. Se algum recurso não estiver disponível em uma das versões, sinalizarei para não haver dúvidas.

Público-alvo: o público-alvo deste post são aqueles usuários que já utilizam o recurso de Tabela Dinâmica. Se você está começando a usar (ou ainda não conhece) essa funcionalidade, sugiro dar uma olhada no ótimo tutorial da Microsoft (http://office.microsoft.com/pt-br/excel-help/criar-uma-tabela-dinamica-para-analisar-dados-da-planilha-HA102840046.aspx), para poder aproveitar melhor as dicas deste post.

Isto posto, vamos ao que interessa.


A planilha
Suponhamos que você trabalha em uma empresa e, dentre suas atribuições, você precisa analisar e gerar relatórios do portfólio de projetos da sua companhia. Você possui uma planilha com a relação de projetos, contendo as seguintes informações:

  • Id do Projeto
  • Tipo de Projeto
  • Status
  • Vice Presidência
  • Origem Comercial
  • Impacto Estratégico
  • Conclusão Prevista
  • Duração Prevista
  • Valor do Projeto


Iremos utilizar este conjunto de informações como referência para este trabalho. Caso você queira experimentar estes passos na prática, você poderá baixar a planilha no link abaixo:


Aplicando formatação aos dados
Pra começar, vamos supor que sua necessidade inicial é descobrir o montante total dos projetos (valores monetários), agrupado por Tipo de Projeto. Criada a Tabela Dinâmica, o resultado é:

O ponto aqui é que os valores da soma não estão organizados com separador de milhar, casas decimais ou símbolo de moeda. O que muitas pessoas acabam fazendo para atenuar o problema é a seleção dos dados apresentados pela Tabela Dinâmica, aplicando em seguida a formatação necessária. A desvantagem desse método é que, caso a Tabela Dinâmica seja alterada e a relação de dados seja maior do que a atual, não existe a garantia de que as informações adicionais sejam elas também formatadas automaticamente.

Para resolver este impasse, você poderá clicar com o botão direito do mouse em qualquer célula da Tabela Dinâmica (campo de valor) e escolher a opção Configurações do Campo de Valor:

Na caixa de diálogo Configurações do campo de valor você poderá:
  • Trocar o label do campo para um nome mais agradável, no item Campo Personalizado;
  • Clicar em Formato do Número para formatar o resultado da Tabela Dinâmica de acordo com suas preferências.


Neste exemplo, vou inserir o nome Total do Investimento no campo personalizado. Já a formatação do número vou configurar como Contábil, para apresentar a separação de milhar e as devidas casas decimais, em conjunto com o símbolo de moeda:

Os dados já passam a ser apresentados de maneira muito mais organizada pelo Microsoft Excel:

Classificando e filtrando dados
Olhando para esta Tabela Dinâmica é possível verificar que a classificação dos Tipos de Projeto se dá via ordem alfabética. Entretanto, esta ordem não representa a classificação da grandeza dos montantes por cada um dos tipos. Caso seja necessário efetuar a classificação por ordem de montante, você poderá clicar com o botão direito do mouse em qualquer um dos valores apresentados e escolher a opção Classificar > Classificar do maior para o menor:

Assim você poderá verificar, de fato, quais são os tipos de projeto com maior volume de investimento da sua empresa:

Outra interessante opção disponibilidade pelo Microsoft Excel é a possibilidade de filtrar os dados, para exibir apenas uma parcela das informações disponíveis. Suponha que você está analisando uma planilha de vendas, a qual contém informações das compras efetuadas pelos seus clientes – e são mais de 500 clientes, por exemplo. Você gostaria de verificar quais são os 10 clientes que mais compraram da sua empresa, para gerar o relatório à equipe de vendas.

Para isso, basta clicar com o botão direito na Tabela Dinâmica (em alguma informação que esteja disponível nos campos de Linha) e escolher a opção Filtrar > 10 Primeiros:

Então você poderá escolher se o filtro será aplicado para os 10 primeiros ou outra opção que se encaixe na sua necessidade:

Visualizando os dados em percentuais
Outro recurso muito eficiente disponibilizado pela Tabela Dinâmica, e que a grande maioria dos usuários desconhece, é a possibilidade de modificar o modo de exibição dos dados. Olhando para a tabela atual, sabemos que o valor total de projetos de Consultoria é de R$ 1.830.150. Porém, e se for necessário descobrir qual a representatividade dos projetos de consultoria em relação ao montante total? Na maioria dos casos, os usuários acabam criando uma tabela paralela e efetuando a conta manualmente. A grande desvantagem dessa abordagem é que, caso o layout da Tabela Dinâmica seja alterado, a tabela manual não terá mais serventia.

Para modificar a maneira como as informações são exibidas pela Tabela Dinâmica, clique com o botão direito sobre a tabela e escolha a opção Configurações do Campo de Valor. Perceba que a caixa de diálogo apresentada possui duas abas – Resumir Valores por e Mostrar Valores como. Clique na segunda aba e, na opção Mostrar Valores como, selecione a opção % do Total de Colunas:

As informações da Tabela Dinâmica passarão a ser exibidas da seguinte maneira:

Se você acrescentar informações ao layout da sua Tabela Dinâmica, você poderá continuar modificando a exibição dos dados de acordo com sua preferência, através da escolha de outras opções do Campo de Valor (% do Total Geral, % do Total de Linhas e etc.). Para voltar à exibição padrão, escolha a opção Sem Cálculo.

Modificando o tipo de cálculo
Por padrão, sempre que uma nova Tabela Dinâmica é inserida, o Microsoft Excel resume os dados utilizando a função de SOMA (considerando que os dados inseridos no campo Valores sejam numéricos). Porém, nem sempre o usuário que está criando a Tabela Dinâmica precisa que os dados sejam agrupados através da função SOMA. Na tabela que estamos utilizando, é possível verificar o valor total do investimento de acordo com o Tipo de projeto. Mas e se, ao invés de visualizar o montante em termos monetários, fosse necessário visualizar o número de projetos por tipo? E se, ao invés do valor total, fosse necessário visualizar o valor médio de investimento por tipo de projeto?

Para responder a essas dúvidas, você poderá clicar com o botão direito do mouse sobre um dos valores apresentados na Tabela Dinâmica e escolher a opção Configurações do Campo de valor. Em seguida, na caixa de diálogo disponível, você poderá escolher qual o método de cálculo deseja aplicar à sua Tabela Dinâmica (fique atento à mudança no rótulo do campo):

Após modificar escolher o método de cálculo e modificar o Nome Personalizado, clique em Formato do Número e substitua o formato contábil (caso o esteja utilizando) pelo formato número. Clique em OK para aplicar o critério à Tabela Dinâmica e visualizar o resultado:

Organizando a posição dos dados
Se você estiver utilizando esta planilha para executar os passos deste guia, substitua o item Tipo de Projeto por Impacto Estratégico, nos rótulos de linha. O resultado da alteração pode ser visto no exemplo abaixo:

Notou algo de errado? Em termos de organização das informações, a classificação dos campos não está legal. Temos o impacto Alto seguido do Baixo, e então Médio e Muito Alto. Logicamente falando, a classificação dos dados está incorreta – isso porque a Tabela Dinâmica classifica os dados de acordo com sua ordem alfabética.

Para organizar os dados de maneira lógica, você poderá clicar sobre o rótulo de um dos itens com o botão direito do mouse e escolher a opção Mover. Em seguida, de acordo com sua necessidade, você poderá mover a informação para cima ou para baixo:

Quando finalizar a organização dos dados, o resultado será:

Agrupando datas
Imagine o seguinte cenário: você está trabalhando na sua empresa com um arquivo similar a este que estamos usando como exemplo. O board executivo solicita um relatório com quantidade de projetos a serem encerrados, mês a mês. Como você sabe que o seu relatório possui uma coluna chamada Conclusão Prevista, você adiciona esta coluna ao campo de Linhas da Tabela Dinâmica. Aqui o resultado:

E qual é o problema agora? Como o objetivo principal da Tabela Dinâmica é agrupar informações que sejam similares, o intervalo de dados a ser exibido é muito grande, pois a Tabela Dinâmica só irá agrupar os projetos que sejam encerrados exatamente no mesmo dia.

Para resolver este impasse e organizar os dados numa escala mensal/anual, clique com o botão direito do mouse em uma das datas da Tabela Dinâmica e escolha a opção Agrupar. Na caixa de diálogo apresentada, você poderá especificar quais os critérios serão utilizados para consolidar os dados:

Assim você chegará ao resultado conforme abaixo:

Observe que, após agrupadas as informações por ano/mês, a Tabela Dinâmica não exibe por padrão a quantidade de projetos realizados em cada ano. Para passar a exibir a informação, clique com o botão direito do mouse sobre um dos anos e escolha a opção Subtotal Anos:

O resultado:

Inserindo uma linha do tempo
Observação: este recurso está disponível somente para a versão 2013 do Microsoft Excel.
Vamos supor que você tenha aplicado o recurso de agrupamento de datas na sua Tabela Dinâmica, mas que não tenha mais a necessidade de visualizar o resultado deste agrupamento. Como a partir de agora você precisará gerar um relatório dos projetos por Origem Comercial, você substitui os itens Anos e Meses pelo campo Origem Comercial.
Mesmo tendo feito essa substituição dos campos que devem ser exibidos, a Tabela Dinâmica mantém os campos Anos e Meses (representado pelo campo Conclusão Prevista) na lista de campos disponíveis. E é aí que entra o recurso Linha do Tempo. Este recurso permite, de maneira simplificada, a aplicação de filtros na Tabela Dinâmica, de acordo com um período a ser determinado pelo usuário. Para inserir uma Linha do Tempo à sua Tabela Dinâmica, clique em qualquer campo da tabela. Em seguida, no menu dinâmico Ferramentas de Tabela Dinâmica, procure a guia Analisar. Nessa guia, clique na opção Inserir Linha do Tempo:

Selecione o campo Conclusão Prevista e clique OK. A partir de agora, você poderá filtrar as informações por Anos, Trimestres ou Anos especificamente:


Ações adicionais
Além de todas as dicas destacadas neste documento, existem outras ações que podem dinamizar o uso da Tabela Dinâmica. Algumas dessas dicas já foram discutidos em outros posts, e para não ficar repetitivo, não irei incluí-las neste guia. Caso queira saber mais, você poderá visualizar os respectivos posts:

Inserindo uma segmentação de dados na Tabela Dinâmica

Criando campos calculados na Tabela Dinâmica

Caso você queira fazer ler este post com mais calma, você poderá fazer o download da versão digital clicando no link abaixo:


Boa leitura, e que o post tenha sido útil.

Até a próxima!

45 comentários:

  1. Muito Bom e bem explicado

    ResponderExcluir
  2. Amigo, boa tarde.
    Aqui no escritório, estou precisando criar uma planilha que pegue os dados de diversas outras planilhas e que agrupe por data.
    Isto pode ser feito com as tabelas dinâmicas ou tem alguma maneira melhor?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá

      Quando você diz diversas planilhas, se refere a diferentes arquivos ou diferentes abas dentro de um único arquivo?

      Excluir
    2. Acredito que o que dê para fazer é importar os diferentes arquivos para dentro da planilha (Dados > De Outras Fontes > Do Microsoft Query) e em seguida tratar os dados para que seja possível gerar a Tabela Dinâmica. Mas não estou muito certo, tenho que testar antes pois nunca experimentei essa abordagem.

      Excluir
    3. Vou tentar. Nunca fiz este processo com mais de uma planilha.
      Valeu pela ajuda.

      Excluir
    4. Da pra fazer, usando/habilitando o Assistente de Tabela Dinâmica e Gráfico Dinâmico do Excel

      Excluir
    5. Da pra fazer, usando/habilitando o Assistente de Tabela Dinâmica e Gráfico Dinâmico do Excel

      Excluir
  3. Olá! Tenho uma tabela dinâmica onde a Base de dados contém informações Jan/2013 a Dez/2014 (Produto Mês Ano Venda)
    Na linha tenho Produtos e Mês e nas colunas Ano e Vendas, quero calcular % de um ano para o outro, ou seja, 2013 vendi $1000,00 e 2014 vendi $900,00, em % tive uma queda de 10% nas vendas. Olhando assim é fácil, mas quando clico para criar a fórmula em Campo Calculado ou mesmo em Item Calculado com identificar essa comparação entre mês/ano? Se puder me ajudar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo,

      Realmente, pergunta de difícil resposta. Eu montei um exemplo baseado no seu cenário, e de fato me parece que é algo sem saída, pois o que você tem é 1 único campo (Venda) que precisa ser comparado com ele mesmo, com a observação de que a análise deve ser feita entre o ano 1 e o ano 2.

      Não consegui chegar numa solução via campos calculados na Tabela Dinâmica. Pelo jeito vai ser necessário conver a Tabela Dinâmica numa tabela normal e criar as fórmulas manualmente....

      Excluir
    2. Imaginei que teria que utilizar fórmulas manualmente para os 5mil produtos. Mto obrigado!

      Excluir
    3. Uma pena não conseguir ajudar com uma solução mais prática :-(

      Excluir
  4. Raphael, é possível agrupar datas em uma tabela dinâmica criada a partir de uma tabela do powerpivot, no meu o botão agrupar vem desabilitado. grato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Laurival,

      Quando os dados que alimentam a Tabela Dinâmica são organizados inicialmente no Power Pivot, o recurso de agrupamento realmente se torna indisponível. Como solução alternativa, o que você pode fazer é criar um campo personalizado no Power Pivot que tenha a função de realizar o agrupamento antes de enviar os dados à Tabela Dinâmica.

      Você poderia criar um campo com a seguinte fórmula:

      =Year([nome do seu campo])&"/"&month([nome do seu campo])

      Nesse post eu falo um pouco mais sobre a criação de campos personalizados no Power Pivot:

      http://www.raphael-santos.net/2014/12/power-pivot-criando-campos-calculados.html

      Espero que ajude!

      Excluir
  5. Raphael, excelente post!
    Tenho uma dúvida.
    Quando acrescento um novo item na minha tabela, ele não aparece na minha tabela dinâmica ao atualizá-lá.
    Somente se eu criar uma nova tabela dinâmica.
    É assim mesmo ou tem algum jeito de incorporar novos itens criados na tabela dinâmica que eu já estou utilizando?
    Por exemplo, se eu divido meus gastos em Alimentação e Transporte e desejo criar um item chamado Saúde, ele não aparece na tabela dinâmica...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Pelo que eu entendi, você adicionou um novo item à planilha, e deseja que este item esteja disponível na Tabela Dinâmica ao atualizá-la, correto?

      O melhor cenário para facilitar a atualização de uma Tabela Dinâmica seria você converter o intervalo original de dados em uma Tabela (mais sobre o recurso de Tabelas nesse link -- https://support.office.com/pt-br/article/In%C3%ADcio-r%C3%A1pido-criar-uma-tabela-do-Excel-33d08e18-fa0f-40fe-8af3-5683b034ec42?ui=pt-BR&rs=pt-BR&ad=BR).

      Caso você não esteja utilizando tabelas, então você deverá informar manualmente ao Excel que uma nova informação (ou um conjunto de informações) foi adicionado aos dados originais, para que a Tabela Dinâmica seja atualizada.

      Para isso, clique na Tabela Dinâmica e, na Faixa de Opções (menus), clique em Analisar > Alterar Fonte de Dados. Assim você terá condições de especificar para o Excel qual o intervalo que contém as informações a serem analisadas pela Tabela Dinâmica.

      Mas, na minha opinião, o melhor seria converter os dados originais em uma Tabela, pois aí o processo de atualização não requer que você se preocupe com novos dados inseridos.

      Espero que ajude.

      Um abraço!

      Excluir
    2. Muito obrigado, Raphael!
      Me ajudou demais!
      Escolhi alterar fonte de dados. Uso uma planilha para controle financeiro e os dados são inseridos todos dias, sem limite de linhas.

      Obrigado novamente!

      Douglas

      Excluir
  6. Olá, boa tarde.
    Raphael, gostaria de saber se tem como alterar a função de resumo simultaneamente de vários campos. Ex: estou sumarizando meus dados e quero a média de idade, peso, altura. Quando incluo algum campo, o excel automaticamente coloca a função de resumo para soma. Logo, no fim terei, soma de idade, soma de peso e soma de altura. Existe um jeito de alterar todas as funções resumo para média, mas sem ter que fazer um por um?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.

      Fiz alguns testes, mas não consegui encontrar uma opção para modificar o padrão do Excel.

      Não estou certo, mas talvez seja algo que não possua a opção de mudança.

      Um abraço!

      Excluir
    2. Obrigada pela ajuda. Abraços.

      Excluir
  7. Olá! Bom dia!
    Tenho uma tabela enorme na qual tem lá o Total Geral (soma das vendas em unidades ao longo dos anos). Tava querendo classificar esse total geral de maior para menor, para saber qual dos itens foi mais vendido. Faço conforme tu explicou, de clicar com o botão direito em qualquer um dos dados do total geral, em classificar, mas ele não ordena. Pensa, mas no fim não ordena.
    Sabes me dizer como posso fazer?

    Abs!
    Raisa Potter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Raisa,

      Mas o Excel está apresentando algum erro, ou simplesmente os dados não são classificados?

      Excluir
  8. Raphael, minha tabela está assim

    Produtos Janeiro Fevereiro
    Produto A 10 20 30
    Produto B 30 35 40

    ResponderExcluir
  9. Mas pra minha tabela dinâmica os meses ficar compilado embaixo dos produtos a base precisa estar assim.

    Mês Produto Qtd
    Janeiro Produto A 10
    FevereiroProduto A 20
    Março Produto A 30
    Abril Produto A 40
    Maio Produto A 50
    Junho Produto A 60
    Julho Produto A 70
    Agosto Produto A 80
    SetembroProduto A 90

    ResponderExcluir
  10. Mas com uma planilha de 200 colunas, como fazer isso sem ser manualmente.
    Os meses precisam vir em linhas, não em colunas.
    Os produtos precisam estar na frente dos meses e a quantidade na frente dos produtos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Felipe.

      Se possível, me envie a planilha por e-email e tento te ajudar.

      raphael@raphael-santos.net

      Um abraço!

      Excluir
  11. Olá Raphael, ótima explicação!
    Por gentileza, poderia me ajudar? Eu tenho uma tabela dinâmica com os meses do ano, porém eles não estão aparecendo na ordem cronológica dos meses: jan, fev, mar; eles estão em ordem alfabética. Como consigo classificar eles de modo que fiquem na ordem dos meses?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Seu Excel está em inglês ou português? Você precisa digitar os nomes dos meses no mesmo idioma do Excel instalado na sua máquina. Se estiver em inglês, por exemplo, os meses terão de ser Jan, Feb, Mar, Apr... em diante.

      Se estiver tudo ok com relação ao idioma, tente fazer o seguinte:

      1) Clique com o botão direito do mouse sobre o nome de qualquer mês
      2) Clique em Classificar > Mais Opções de Classificação
      3) Clique em Mais Opções
      4) Desmarque a opção 'Classificar automaticamente toda vez que o relatório é atualizado'
      5) Em seguida, escolha a opção que reconhece os meses do ano (que faz parte de uma lita personalizada do Excel)

      Veja se isso resolve o problema.

      Excluir
  12. Preciso de uma ajuda, meu chefe quer o total geral no inicio da tabela dinâmica, já procurei isso em todo lugar, manuais livros e não acho, existe esta opção? Total Geral em cima como primeira linha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fernanda,

      Ao clicar na Tabela Dinâmica, na Faixa de Opções, o menu de contexto 'Design' será apresentado. Ao clicar em 'Design', a opção 'Layout do Relatório' estará disponível (terceira opção da esquerda para a direita). Você pode escolher a opção 'Exibir em Formato Compacto' ou 'Exibir em Formato Outline' que acredito que a Tabela Dinâmica ajustará o Layout de acordo com a sua necessidade.

      Talvez os termos utilizados no Excel sejam um pouco diferentes do que eu escrevi, pois a versão que tenho instalada aqui é Inglês, então estou tentando 'abrasileirar' a tradução :-D

      Me diga se isso te ajuda!

      Excluir
  13. Rafael, bom dia
    Elaborei uma planilha dinâmica e esta tudo ok, no default do excel a ultima coluna fica preenchida com a informação "Total Geral" há alguma maneira de move-la para a primeira coluna após minha coluna do relatório? Em suma gostaria de mover colunas na planilha dinâmica.
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.

      Acredito que não é possível modificar a posição das colunas, pois o Excel as irá organizar de acordo com a disposição dos dados no layout existente (linhas, colunas, filtros e valores).

      Porém, vale a pena dar uma olhada nos Layouts de Relatório, que estão disponíveis na guia Design (no menu contextual 'Ferramentas de Tabela Dinâmica'). Tente utilizar as diferentes opções disponíveis neste local, e veja se alguma delas se adequa ao que você deseja fazer.

      Um abraço!

      Excluir
  14. Olá Rafael!

    Tenho uma base para montar a Dinâmica. Uma das colunas a informação são datas, porém quando jogo na dinâmica, não fica em formato de data. Você tem alguma dica? Já deixei a coluna da base em formato de data, já tentei formatar a coluna da dinâmica em formato de data, já transformei a coluna de "texto para colunas", nada deu certo. Na base, o filtro de datas funciona, quando os mesmo dados vão para a dinâmica não funciona.

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Rodrigo. Cara, que estranho esse comportamento. Os dados que você possui na Tabela Dinânica foram exportados de algum sistema para o Excel? Eu já vi essa situação que você está enfrentando em cenários que os dados originais vieram de uma base externa.

      Outro ponto a se considerar: o formato de datas da planilha está de acordo com as configurações regionais do seu computador? Caso os dados estejam, digamos, em Português-BR e o seu computador utilize o formato English-US nas configurações regionais, isso pode gerar alguma inconformidade.

      Um abraço!

      Excluir
  15. Não é uma comentário mas uma consulta.
    Tenho tabela com 3 colunas contíguas e 211 linhas com dados. Se imprimir, gastaria 4 folhas tamanho A4.
    Seria possível, através de Tabela Dinâmica, partir esta coluna em quatro partes, de forma a imprimir apenas uma folha com os dados?
    Só faço isso através de código VBA ou manualmente. Manualmente, dá trabalho.
    Através de VBA o resultado deixa a desejar quando a tabela sofre acréscimo ou diminuição de linhas.
    Gratos
    olvavila@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo. Se a sua tabela possui 211 linhas, então são 211 registros que precisam ser impressos, correto? Caso você converta essa informação em uma Tabela Dinâmica, é bem provável que seus registros sejam agrupados, e então você perderia a essência do trabalho (que é visualização dos registros individualmente).

      Quando você menciona dividir a coluna em 4 partes, qual é exatamente o objetivo?

      Excluir
    2. Raphael, obrigado pela atenção.
      O objetivo em dividir a tabela em quatro partes (não apenas uma coluna) de maneira a permitir a impressão de todo o conteúdo em apenas uma página. Os dados estão dispostos de A1:C211 (Colunas A,B,C). Ficaria assim: Primeira parte de A1 até C60; ao lado da segunda parte de A61 até C119; ao lado da terceira parte de A120 até C179...

      Grato
      Osmario

      Excluir
    3. Olá Osmario -

      Dado o contexto que você mencionou, não seria mais uma questão de formatação das quebras de página no Excel?

      Ainda assim, com um volume de dados tão alto, acho que você teria perda na qualidade da impressão ao tentar reduzir o zoom para que todos os dados sejam adequados à uma página.

      Excluir
  16. Ola Boite, estou com o problema na tabela dinâmica, a base de dados tem letras com numeros, por exemplo: Coluna A: Loja: Americana; Coluna B: End: 2610B.

    Quando gero a tabela dinâmica, a coluna endereço aparece "vazio". as demais lojas ele traz o números normal, mas a lojas que tem numeros e letras a tabela dinâmica mostra a o campo como "vazio".

    Poderia me ajudar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Leonardo -

      Você pode me enviar uma cópia desse arquivo para que eu possa fazer alguns testes e entender esse comportamento?

      raphael@raphael-santos.net

      Um abraço!

      Excluir
  17. Raphael bom dia
    Estou tentando agrupar varias datas em mes e ano, mas quando clico com botão direito do mouse não aparece a caixa de dialogo que vc mostra acima:
    aparece agrupar1
    ai não consigo selecionar Mes e Ano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo.

      Não entendi muito bem a sua dúvida. Você está tentando agrupar as datas com base na planilha que está disponível para download, ou com base em uma planilha que pertence a você?

      Se for o segundo caso, poderia me enviar uma cópia da planilha pra eu dar uma olhada?

      raphael@raphael-santos.net

      Obrigado!

      Excluir
  18. Olá,

    Posso dizer que sou fã tanto quanto você pelas ferramentas dinâmicas do excel. A grande maioria delas são compartilhadas em rede com muitos usuários que acessam e fazer alterações e por várias questões preciso saber quem, quando e o que foi alterado. Ou seja preciso controlar as alterações.

    Em planilhas que não são dinâmicas, controlamos no "Revisão>Controlar alterações", porém nas planilhas dinâmicas esta função fica indisponível.

    Poderiam me ajudar?

    Email: marcelolr@unochapeco.edu.br
    ou 49 9 8871 2662 (CLaro)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcelo -

      De fato, fica bem difícil de conseguir controlar as alterações realizadas em uma Tabela Dinâmica, pois se trata da movimentação dos dados em si (quando o layout é alterado).

      Não sei exatamente como as suas Tabelas Dinâmicas são alteradas, a frequência de alteração e também quantas pessoas as manipulam, mas talvez seja interessante manter uma aba oculta no seu arquivo que contenha o layout padrão de Tabelas Dinâmicas.

      Assim, caso seja necessário ter uma referência em caso de alguma alteração realizada, esta aba oculta poderá prover as informações.

      Espero que ajude.
      Um abraço!

      Excluir